"Era a vida que te encontrara
E te apresentava a mim.
"
fm.simoes@terra.com.br
  • Links
  • Poemas
  • Mês de outubro, 2017

    Inédito:

    BRASIL, PARA ONDE CAMINHAS?


    O poema abaixo eu escrevi há alguns anos. Não me recordo quando, todavia ele podia ter sido escrito a qualquer tempo. Em verdade eu alcancei nos versos que o compõem além da fase da ditadura militar o que veio depois ou a tão desejada democracia embora jamais pensássemos à época o que viria a desabar sobre nossas cabeças.

     ● Leia, aqui, esta crônica na íntegra.